Skip to main content

Minas é o 1° estado a atingir 1 GW em potência instalada de energia solar

por Mariana Costa

Líder no segmento, o estado é responsável por 18% de todo o potencial instalado no país, com 844 cidades abastecidas por geração própria de energia

O estado de Minas Gerais ultrapassou a marca de 1 gigawatt (GW) de potência instalada de geração distribuída (GD), de energia solar fotovoltaica.

O marco mantém Minas na posição de líder em geração distribuída de energia solar no país, sendo responsável por 18% de todo o potencial instalado no Brasil. São 844 cidades abastecidas com geração própria, o que resulta em 98,9% dos municípios mineiros.

Toda essa energia solar é produzida a partir de painéis fotovoltaicos instalados nos telhados e nas áreas de casas, prédios residenciais, condomínios e edifícios públicos, incluindo os comerciais e industriais, além de propriedades rurais.

De acordo com dados da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), a energia renovável é fornecida por 84.248 usinas de microgeração e minigeração instaladas no estado, que beneficiam mais de 120.929 consumidores e evitam a emissão de aproximadamente 394 mil toneladas de gases de efeito estufa por ano.

Recorde e geração de empregos

A marca de 1 GW de potência instalada, alcançada nessa quarta-feira (19/5), representa aproximadamente R$ 4,5 bilhões efetivamente investidos pelos mineiros para geração da própria energia, no sistema de compensação da Aneel, a partir da fonte solar fotovoltaica. Esses empreendimentos garantem a geração de empregos, formação de profissionais técnicos, qualificados e produção de renda.

Investimentos

O governo estadual, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, vem desenvolvendo ações e projetos para atrair investimentos nesse setor.

“Este registro é mais um resultado do nosso trabalho, comprovando que Minas Gerais possui o melhor ambiente de negócios para investimentos”, destaca o secretário Fernando Passalio. Ele ressalta, ainda, o projeto Sol de Minas, que atua na manutenção e melhoria desse ambiente de negócios, em todos seus aspectos, como tributário, ambiental, regulatório e de financiamento.

“Orgulho em fazer parte dessa conquista! Resultado de um amplo trabalho que visa a Minas Gerais do futuro. Fruto de muito esforço, da luta que travei pela inovadora legislação mineira de incentivo ao setor, com leis de minha autoria, especialmente a Lei nº 22.549/17, primeira no país, que isenta de ICMS usinas até 5 MW, beneficiando sistemas de pequeno e médio portes (micro e minigeração)”, destacou o deputado estadual Gil Pereira (PSD).

Capacitação

A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede) vai realizar nos dias 20 e 21 de junho, a segunda capacitação de gestores municipais do projeto Estratégico Sol de Minas. Ela é gratuita, o período de inscrição está aberto e os membros da administração pública dos municípios interessados têm até o dia 17 de junho para confirmar a participação.

A capacitação é uma oportunidade de trocar experiências sobre o setor de geração de energia fotovoltaica e conta com palestras de órgãos referência no assunto como o Instituto de Desenvolvimento Integrado de Minas Gerais (Indi), a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), a Fundação Estadual do Meio Ambiente (Feam) e do Banco do Nordeste.

Nesta segunda edição haverá uma palestra sobre financiamento do Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG), que vai conceder linhas de crédito especiais aos municípios mineiros com o projeto BDMG Cidades Sustentáveis. A iniciativa inclui financiamento para empreendimentos de energias renováveis, como a solar fotovoltaica.

Clique aqui para fazer sua inscrição.

fonte: Jornal Estado de Minas

%d blogueiros gostam disto: