Skip to main content

Hora do Planeta 2017: vamos participar?

Ao longo dos anos as ações humanas têm contribuído consideravelmente para as  mudanças climáticas e elevação da temperatura do planeta (o que afeta o meio ambiente e todos nós). No Brasil, por exemplo, os impactos das alterações do clima já são sentidos no nordeste e regiões semiáridas, com forte redução dos recursos hídricos e extinção de espécies; e no sudeste com as intensas inundações em grandes cidades como Rio de Janeiro e São Paulo. Hoje, de acordo com a organização ambiental WWF-Brasil, o planeta já está 0,7ºC mais quente em relação aos últimos anos.

Com o propósito de chamar a sua atenção para o problema, aproveitamos a matéria de hoje para convidá-lo (a) a participar da Hora do Planeta que acontece neste sábado (25). Em seu 10º ano, a iniciativa da WWF propõe que pessoas no mundo inteiro apaguem as luzes durante uma hora, das 20h30 às 21h30, do horário local.

Criada em 2007 em Sydney, na Austrália, a Hora do Planeta tornou-se o maior movimento pelo meio ambiente, com mais de 7.000 cidades participantes no ano passado. “Mais do que um simples apagar de luzes, a Hora do Planeta é um convite para que as pessoas parem por cerca de uma hora e reflitam sobre as nossas ações em relação ao meio ambiente, o que temos feito e o que cada um pode fazer para diminuir o problema”, explica o diretor-executivo do WWF-Brasil, Maurício Voivodic.

Unindo forças

O envolvimento de todos é essencial para o sucesso do evento e, por isso, há várias maneiras de fazer parte. No caso das cidades, a participação ocorre por meio de um “Termo de Adesão”, que deve ser assinado por alguma autoridade local indicando quais monumentos e prédios ficarão apagados durante os 60 minutos. Escolas, instituições privadas e organizações também podem se engajar apagando as luzes e promovendo atividades e encontros.

No ano passado, 156 municípios brasileiros aderiram oficialmente à campanha, desligando por uma hora a iluminação de 505 ícones, entre monumentos, espaços públicos e prédios históricos. Foi registrado ainda a contribuição de 165 empresas, além de 39 escolas e organizações não governamentais.

Para estimular a participação de todos, o WWF-Brasil disponibilizou no site da Hora do Planeta um formulário para inscrição de atividades e um material com dicas do que cada um pode fazer para intensificar a campanha.

No vídeo abaixo você confere a campanha “A Hora é Agora!”, uma série de gravações com depoimentos de 15 pessoas de diferentes perfis – de jovens de 18 anos a senhores com mais de 60.

Envolva-se você também neste movimento. Apague as luzes da sua casa ou de onde você estiver, no horário determinado, e aproveite para conscientizar aqueles que estiverem a sua volta.

A Hora do Planeta acontece somente uma vez ao ano, mas a sua contribuição para um mundo mais sustentável deve ser diária. Basta ficar atento a certos hábitos e estar disposto a mudar alguns costumes. Sugerimos oito atitudes que podem fazer a diferença!

1- Evite o desperdício de alimentos

2- Ande menos de carro

3- Economize água

4-Economize energia

5- Aposte em produtos locais

6- Recicle seu lixo

7 – Consuma com consciência

8- Compartilhe sua mudança de atitude com seus amigos e familiares

Curiosidade: se você deseja saber como o aquecimento global tem afetado os animais, uma câmera GoPro foi acoplada ao pescoço de uma ursa polar e registrou cenas cotidianas no gelo ártico. Veja aqui!

*Com informações dos portais: WWF-Brasil e Catraca Livre

%d blogueiros gostam disto: