Skip to main content

Energia solar é a principal solução para reduzir impacto ambiental

Energia elétrica provinda de combustíveis fosseis, além do alto custo de operação, causa danos à natureza.

Uma opção acessível e que reduz o impacto ambiental. Essa é a energia solar fotovoltaica que, de acordo com o engenheiro Eduardo Nascimento, da Fortlev Solar, é renovada diariamente e não polui ou prejudica o meio ambiente.

Eduardo Nascimento explica que o processo de geração de energia solar não emite dióxido de enxofre (SO2),  dióxido de carbono (CO2) e óxidos de nitrogênio (NOx), gases poluentes produzidos por outras formas de energia.

“A energia elétrica provinda de combustíveis fosseis, além do alto custo de operação, causa danos à natureza. Outro ponto importante a ser destacado é que este tipo de energia tem prazo de validade e limitação inquestionável, diferente da solar fotovoltaica, que é inesgotável”, detalha o especialista.

Eduardo ainda afirma que “além de todas as características citadas, os módulos fotovoltaicos possuem uma durabilidade de aproximadamente 25 anos e uma recuperação de até 95% após este período de uso dos materiais, para reutilização”.

Benefícios

O engenheiro também argumenta que os módulos fotovoltaicos, ao contrário das hidrelétricas, não necessitam de grandes áreas de instalação ou do desmatamento de vegetações para operar.

Ele pontua os 6 principais benefícios do uso de energia solar:

  1. Redução da poluição;
  2. Energia infinita;
  3. Diminuição no valor da fatura de energia;
  4. Valorização do imóvel;
  5. Sustentabilidade;
  6. Baixa necessidade de manutenção.

fonte: Portal Agrolink

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: